Escute o que vem do chão de fábrica!

A comunicação é de fato um problema nas empresas.  Quando mais subimos de cargo, menos escutamos o que acontece no “chão da fábrica”, muitos ruídos acontecem na comunicação, um dos mais famosos é a “rádio peão”.

“Funcionários de chão de fábrica” é uma expressão frequentemente usada para denominar os colaboradores que trabalham em indústrias, no nível operacional da organização, geralmente em tarefas de produção. Mas podemos levar isso para o escritório, para startups, para qualquer ambiente de trabalho.

Quando começamos a subir hierarquicamente, ficamos distantes do “chão de fábrica” e acredito que nesta subida o ar fica mais rarefeito (rs), ou seja, começamos a ter os sintomas do aumento gradual da altitude, falta oxigênio e sem o oxigênio nosso cérebro começa a sofrer, podendo causar perda da visão dos micros processos, perda da condição motora de como fazer? o coma da inércia, o coração para de bater por realizações, entre outros problemas.

Tirando um pouco o lado sarcástico do post, o que quero dizer é que devemos sempre escutar o que vem do chão da fábrica ou do escritório, “os peões” sabem o que está acontecendo nos processos.

Quanto mais distante das fontes de comunicação e menos canais sadios, a empresa perde grandes informações que são primordiais para um planejamento estratégico. Esses canais que criamos na comunicação entre a hierarquia e chão de fábrica regam e distribuem de forma verdadeira e sistemática todo o plantio, deixando o chão de fábrica fértil e produtivo.

A comunicação deve fluir ao mesmo tempo, sem “delay”, o mesmo conteúdo e a mesma qualidade, nem mais nem menos, sem deixar dúvidas. Reuniões eficazes, bem estruturadas e com pautas definidas podem ajudar, mas o mais importante são aqueles cafezinhos na cozinha, o momento do cigarro (dos fumantes), o almoço da turma – esse sim é o momento de entender a equipe e saber de verdade o que está acontecendo.

Se todos estiverem cientes da importância do seu trabalho e dos seus propósitos será muito mais fácil chegar aos resultados. Esteja aberto para ouvir e tome decisões baseadas em fatos e não no “achismo”.

Não basta construir uma equipe, você deve conectá-las.

Até o próximo post.

Samuel Pagano

Sócio-proprietário da Fábrica de Empreendedores

samuel@fabricadeempreendedores.com.br

 

Anúncios

Filmes que vão te ajudar na organização financeira

Mais um post do blog parceiro TeuControle.

Amanhã tem feriado (12/10/2016) que tal assistir a esses filmes e dedicar um tempo para arrumar as suas finanças?

Depois de organizar as finanças acesse TeuControle.com e deixe tudo planejado.

Entender suas finanças te dá clareza de como está utilizando o seu dinheiro e você foge da indecisão entre realizar um sonho ou viver fazendo manobras para fechar o mês no azul.

No dia 19/09/2016 apresentamos 03 filmes no nosso blog para você se inspirar:

http://teucontrole.blog.br/2016/09/19/03-filmes-para-inspirar-voce-a-se-planejar-financeiramente/

Agora estamos apresentando mais 03 filmes:

margin-call-o-dia-antes-do-fim

Margin Call: o dia antes do fim

Peter Sullivan (Zachary Quinto), Seth Bregman (Penn Badgley) e Will Emerson (Paul Bettany) trabalham no setor de riscos em uma corretora que está realizando uma série de demissões. Cerca de 80% do setor em que trabalham foi demitido, entre eles o chefe do trio, Eric Dale (Stanley Tucci). Ao pegar o elevador Eric entrega a Peter um pen drive que contém algo em que estava trabalhando no momento. O alerta para que tomasse cuidado com o conteúdo chama a atenção de Peter, que fica após o horário de trabalho para dar uma olhada no arquivo. Logo ele descobre que se trata de uma análise da volatilidade da empresa, que indica que há duas semanas ela ultrapassou e muito o limite de risco o qual pode correr. Desta forma a empresa está prestes a falir, o que provoca uma reunião de emergência com diversos setores da empresa, entre eles seu dono, o acionista John Tuld (Jeremy Irons).

o-homem-que-mudou-o-jogo

O homem que mudou o jogo

O Homem que Mudou o Jogo é um grande filme. Conta com uma ótima direção de fotografia e uma edição de som centrada nos diálogos. Indicado a seis categorias no Oscar, incluindo Melhor Filme e Melhor Ator, o longa deve ser conferido. E não tenha medo, não é um filme sobre baseball.

A grande força de Moneyball (no original) está no roteiro escrito a quatro mãos por Steven Zaillian e Aaron Sorkin. É difícil saber quem escreveu o quê, mas é nítida a presença da escrita de Sorkin na produção. Assim como A Rede Social, que lhe rendeu o Oscar de Melhor Roteiro Adaptado, o novo longa é centrado nos diálogos. O que importa aqui são as conversas entre os personagens, como fica claro no momento em que Brad Pitt tenta fazer um grande discurso, mas é mal sucedido. É praticamente uma alfinetada em todas as produções que trazem grandes e motivadoras falas antes dos jogos finais.

capitalismo_uma_historia_de_amor

Capitalismo: uma história de amor

Michael Moore apresenta uma análise de como o capitalismo corrompeu os ideais de liberdade previstos na Constituição dos Estados Unidos, visando gerar lucros cada vez maiores para um grupo seleto da sociedade, enquanto que a maioria perde cada vez mais direitos.

A obra ainda promove intensos questionamentos acerca das influências das empresas na vida dos americanos e, consequentemente, no restante do mundo.

Bom, fica nossa dica para este feriado. Depois de escolher o filme que deseja assistir, comece a colocar em prática uma organização financeira. Utilize o Teuontrole.com como ferramenta para ter uma independência financeira, afinal, para saber quanto você pode gastar ou investir, basta seguir nosso lema “é você, no controle das suas finanças”.

Se gostou compartilhe e até o próximo post.

Equipe TeuControle.com

Filmes para inspirar você a se planejar financeiramente…

slide1

Mais uma série de filmes para nos inspirar em querer fazer um planejamento financeiro.

Acesse o blog Teucontrole e descubra como esses filmes podem motivá-lo a querer começar a administrar melhor suas finanças.

Abraços e até o próximo post…

Fábrica de Empreendedores

Planejamento Semanal – Parte 2

planejamento

Planejamento Semanal – Parte 2

Olá…

Dando sequência à parte 1 do planejamento semanal, agora vamos entender o que você tem para a sua semana. Comece a fazer uma lista de atividades que você quer executar durante a semana, divida essas atividades em tarefas e compromissos.

Tarefa é algo que você irá fazer durante o dia, ou seja, de manhã, a tarde ou a noite e leva um determinado tempo para executar, compromisso é um período de tempo já pré-determinado, com início e fim, exemplo uma consulta médica, que tem data e horários de início e fim.

Você vai fazer um checklist das atividades, como abaixo:

  • Ir ao médico
  • Fazer relatório de vendas
  • Reunião com diretoria
  • Exames médicos
  • Preparar sala de reunião
  • Desenvolver projeto de Marketing

Lembre-se que você está colocando atividades que realmente acredita que irá fazer, sejam elas pessoais ou do trabalho. Feito o checklist das suas atividades, agora é o momento de distribuir durante a semana que irá começar. Vamos ver o exemplo:

  • Segunda-feira:

Ir ao médico (compromisso) – horário das 9:00 as 10:00 hrs

Preparar sala de reunião (tarefa) – duração será de 01 hora

  • Terça-feira:

fazer exame médico (compromisso) – horário das 07:00 as 08:00 hrs

Reunião com diretoria (compromisso) – horário das 14:30 às 16:00 hrs

  • Quarta-feira:

desenvolver projeto de Marketing (tarefa) – duração de 03 horas

Fazer relatórios de vendas (tarefa) – duração de 01 hora

Perceba que você começou a entender o seu dia a dia, que na segunda você tem 02 horas de atividades, na terça 02 horas e meia de atividades e na quarta você tem 04 horas de atividades – aqui você já sabe dizer que na quarta seu tempo já está ficando mais apertado, que é melhor não colocar muita atividade neste dia, que é bom fazer um “replanejamento”.

Faça esse Planejamento Pessoal de 03 dias durante pelo menos 30 dias, e observe os resultados, quando estiver com mais prática, ou se sentir mais confortável, comece a fazer 07 dias, fica a dica do post 01 de começar o Planejamento Semanal na sexta.

No próximo post irei gravar um vídeo mostrando isso na prática, fique atendo e se tiver dúvidas nos encaminhe um email no comercial@fabricadeempreendedores.com.br contando sua dificuldade e lhe ajudaremos,  até o próximo post.

Planejamento Semanal parte 1

manplan

Planejamento Semanal – Parte 1

Olá…

Se você colocar a palavra Planejamento Semanal no google irá ter várias informações, explicações, definições, imagens, textos, significados, instituições entre outras.

Mas o que é Planejamento Semanal? Em uma definição simplista e pessoal, acredito ser “pensar, antes de agir”. É se dedicar por um tempo a pensar, no que e como fazer na semana as suas atividades.

Se começarmos o dia sabendo o que temos que fazer (pode-se chamar de executar), as nossas atitudes ficam mais positivas e o nosso tempo mais organizado.

Essas duas palavras – positivas e organizadas – já valem pelo esforço de planejar. O que realmente acontece que não sabemos planejar, somos muitas vezes doutrinados a fazer – sair fazendo, ou seja, “fazejamento”, que muitas vezes nos geram retrabalhos ou tempo desperdiçado, que nos dão sensações negativas e promovem a desorganização, que acabam indo para o sentimento de desmotivação, pois não conseguimos concluir o que queremos.

Mas como fazer Planejamento Semanal?

Você encontrará várias técnicas no Google, mas de novo vamos para a simplicidade, o que vamos mostrar tem dado resultado para muitas pessoas, mas o principal de tudo é ter dedicação, planejar requer disciplina, tempo e foco. Então vamos aos 6 primeiros processos:

  1. Escolha um dia (aconselhamos sexta – pelo simples motivo de ter a semana inteira pela frente, o passado é experiência, o presente é a decisão, e o futuro é a execução, e para executar precisamos de tempo)
  2. Escolha um período do tempo (aconselhamos final da tarde de sexta, pois já sabe o que errou na semana e pode buscar acertar a próxima semana, histórico é muito importante para decidir)
  3. Delimite quanto tempo irá planejar, três dias, ou a semana, caso esteja começando, faça o planejamento de 3 dias.
  4. Entenda que o seu dia deverá ser de 24 horas, 07 dias da semana, classificando suas atividades em tarefas e compromissos (explicarei a diferença entre tarefas e compromissos).
  5. Escolha o local para planejar, que seja arejado, iluminado e com poucas ou nenhuma interrupção quando estiver planejando.
  6. Outro fato importante é ter uma agenda, seja ela papel ou tecnológica, aconselhamos primeiro uma de papel, para poder anotar e entender como você “funciona”, depois utilize a tecnologia.

Ótimo, se você seguiu os passos acima, já está organizado para começar o Planejamento Semanal em si, organização é um dos principais fatores para que o planejamento semanal dê certo.

Este post está dividido em partes, para que o aprendizado seja consistente e duradouro, vamos dar um tempo para você se organizar, daqui 2 dias iremos publicar a segunda parte. Se tiver dificuldades ou dúvidas até lá, encaminhe um email para comercial@fabricadeempreendedores.com e iremos auxiliá-lo ou deixe seu comentário abaixo.

Até o próximo post.

Fazendo do mesmo jeito

Slide1

Fazendo do mesmo jeito e querendo resultados diferentes…Loucura!!!

É engraçado como as pessoas buscam por mudanças, é na virada do ano, é depois do carnaval, na próxima segunda e aí a fora. Mas logo desistem e voltam para o “morninho”, se apegam a frases de mudança ou de transformação, mostradas nas redes sociais, compartilha, coloca curtir, mas dois minutos depois, volta para o “morninho”, e o pior, colocando desculpas verdadeiras pela sua falta de vontade.

Li este post no http://www.contioutra.com e quero compartilhar com vocês http://www.contioutra.com/por-que-algumas-pessoas-repetem-sempre-os-mesmos-erros/  até quando você se deixará ser conduzido por suas desculpas? Até quando o “morninho” vai tomar conta de você.

Mudanças não são fáceis, requer decisões e comprometimento com o novo, seja mudar de emprego, de cidade, de marido/ esposa, mas se algo está te incomodando, não fique só reclamando, planeje, busque sair do morninho, não se acostume com o problema – se fizer uma atividade por dia, para que esta mudança ocorra, garanto que ela será menos dolorosa e mais tranquila – agora se tomar esta decisão de mudança sem pensar nas consequência, de maneira irresponsável, a dor de cabeça será maior.

Só existe um culpado nesta história, e é VOCÊ e somente uma pessoa pode mudar isso, que também é VOCÊ.

Aprenda estar no controle, ou você está no “teu controle” ou alguém está te controlando, as vezes é o “morninho” no controle.

Deixe suas experiências abaixo em “comentários”, podemos compartilhar e crescer juntos.

Até o próximo post…

Fábrica de Empreendedores